Para os apaixonados por bebês.

Pediatria
Influência dos avós na vida das crianças
05/04/2018 14:09:47

Os avós e a educação dos netos: crescer ao lado dos avós é gostoso e faz bem para a criança!

 

Um dos assuntos mais polêmicos quando se trata da educação das crianças, é o quanto os avós podem influenciar nesse processo. Por isso, a pediatra e nutróloga Dra. Denise Lellis, traz no vídeo de hoje a importância dessa convivência e também os pontos que merecem atenção nessa relação.

1- Qual a importância da convivência com os avós na vida das crianças?

A convivência da criança com os avós é extremamente importante, assim como é importante a convivência da criança com outros parentes ou outros membros da família. O que você puder fazer para proporcionar esses momentos com os avós, faça! Vai ser enriquecedor para todos.

Alguns pais e mães ficam incomodados por a criança desenvolver um vínculo muito forte com outra pessoa da família, mas se o seu filho é capaz de gostar de outras pessoas além dos pais, esse é um sinal de desenvolvimento emocional muito bom. Então, promova convivências para que seu filho aprenda a gostar das pessoas.

2- Como agir quando o avós começam a influenciar na educação das crianças?

Os avós estão sempre muito bem intencionados, então os palpites que vem dos avós são sempre com o objetivo de melhorar a vida do bebê. É preciso apenas ter cuidado ao falar para os avós que você não concorda com alguma opinião deles (e é normal não concordar), precisa ser dito de uma forma carinhosa e educada. Afinal, todo mundo está pensando é no bem estar do bebê.

Então, se você está preocupado com a influência da educação dos avós na criação das crianças, pare tudo e converse! Quando não conversamos, o "não dito" tem um impacto maior nas relações do que o que foi dito.

3- Como agir quando os avós começam a desautorizar as decisões dos pais em relação às crianças?

Os avós não devem desautorizar os pais. A criança pode ficar confusa se perceber que o que vale na casa dos pais muda na casa dos avós. Mas as crianças devem sim seguir as regras das casa dos avós, mas qualquer decisão que influencia a educação das crianças ou que desautorize os pais (e que seja diferente na casa dos avós), tem que ser discutido em conjunto; e a opinião dos pais deve ser a que vai prevalecer, deve ser a última palavra.

Lembre-se, quando o seu bebê nasceu, nasceu também você como mãe, nasceu também avós, tios, tias, padrinhops, madrinhas... e o bebê não é só dos pais, compartilhe esse bebê, que um dia vai ser um adulto no mundo.

Veja mais vídeos sobre maternidade e infância no nosso canal do Youtube Eu Amo meu Bebê. Cadastre-se, curta e compartilhe nossos vídeos!

----------------------------------------------------------------------------------

Confira também outros artigos sobre bebês:

----------------------------------------------------------------------------------

Você já conhece o Clube Gratuito Eu Amo Meu Bebê?

O Eu Amo Meu Bebê é o primeiro clube de vantagens voltado para gestantes e mães recentes que reúne descontos e promoções exclusivas de diversas empresas em produtos e serviços para o período de gestação e para bebês, além de trazer conteúdos sobre maternidade, gestação, saúde e bem-estar. 

Acesse agora e veja desconto especial para as gestantes e mamães em diversas categorias.

Dra. Denise Lellis
A Dra. Denise Lellis é pediatra e nutróloga.
Pediatra da Liga de Obesidade Infantil do HC-FMUSP, com doutorado em pediatria pela FMUSP. Residência, preceptoria e assistência no HC-FMUSP.

©2011-2018. Proxy Media. Todos os diretos reservados. | Termos de uso | Quem somos | Artigos